> CASAPONTOCOME: 4 dicas para parecer mais elegante

domingo, 25 de janeiro de 2015

4 dicas para parecer mais elegante

Pode parecer impossível disfarçar uns quilinhos a mais, mas há pequenos truques que funcionam mesmo.
Mamãs recentes, ou aquela barriguinha pós-festas, que demora a eliminar, ou aqueles 5 quilos extra, que teimam em não desaparecer… Para além da dieta e do exercício, há maneiras de ir disfarçando certas imperfeições e parecer mais magra do que realmente é. 
Aqui ficam 4 dicas, a não esquecer e aplicar!

1- Alças largas
Mesmo no Verão, usar alças fininhas vai ser prejudicial para quem tem bracinhos roliços. Uma alça larga, em vestidos ou tops, disfarça essa zona e dá uma aparência mais esguia a todo o corpo. 

2- Corte império
Vestidos com a zona mais estreita logo abaixo do peito, vão alongar a sua silhueta, vai parecer mais magra e mais alta. Por outro lado, disfarça qualquer saliência na zona da barriga, porque a cintura não é marcada. Para grávidas, é também uma opção interessante, mas pelo conforto e elegância deste corte.

3- Decote em V
Quando tudo o que queremos é alongar a silhueta, o decote é importante. Por um lado, deve ser chamativo (sem exageros, claro) de modo a chamar a atenção para essa zona, desviando-a de outras como algum pneuzito escondido... Por outro, um decote em V, vai também contribuir para aquela ilusão de ser alta e magra.

4- Tecido para vestidos
Quando se escolhe um vestido, temos de pensar também no tecido. Muita gente pensa “Bem, se estou gorda, tenho de escolher um vestido de tecido grosso e forte, para apertar bem a barriga e o resto”. Pois, e depois nos casamentos lá aparece uma ou outra senhora com aspecto de enchido, com a gordura a fazer 2 ou três pneus, abaixo do peito e as costuras a testarem as leis da física. 
Alguma elasticidade, nas zonas certas, vai deixar a pessoa mais confortável e permitir-lhe também respirar, o que é sempre importante. Num vestido de corte império, por exemplo, o tecido deve ficar solto do corte para baixo e cair a direito, para não marcar zonas indesejáveis.    


“E onde arranjo eu um vestido que faça tudo isto?” Pois aqui mesmo:




Sem comentários:

Enviar um comentário